Nada é impossível; a não ser que você desista de tentar. Não pense no quanto será difícil, apenas siga seus sonhos.

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Quem é vivo...

Pois bem, apareci depois de um longo sumiço! Talvez o maior sumiço q já tive por aqui hehehe Acabei achando q nunca mais entraria nesse blog, nunca mais postaria nada... Mas não dá! Preciso desabafar, antes escrevia nos meus diários, mas agora não posso mais :\
Mta coisa aconteceu desde q parei de postar, então darei uma resumida!

Meu aniversário é dia 21 de dezembro. Bom, eu não via a hr de q ele passasse logo por causa daquela história do fim do mundo, as piadinhas eram um infeeerno! Ainda mais pq eu faria 21 anos. Ok, bizarro... Porém, se eu soubesse oq iria acontecer, não teria passado tanto tempo focada nisso.
Neste dia, meu namorado prometeu me levar pra sair, não deu certo, acabamos pedindo algo pra comer na casa dele mesmo, mas foi um dia mto estranho, daqueles q vc sente q tem algo errado, sabem?
Passou. Chegado o natal, me arrumei como nunca, recusei ir numa festa na casa da minha prima pra passar com meu namorado e com a família dele. Chegando lá, ele me tratou com indiferença, achei q eu tinha errado na roupa ou na make, fiquei chateada. Basicamente meu natal foi assistir Rei Leão e depois ir dormir. Lindo! No dia 28, eu falei com ele q gostaria q passássemos a virada com a minha família e, acabou q ele quis conversar e terminar comigo. Foi horrível, ele me deu motivos mto vagos e eu não quero entrar em detalhes. No final, acabou q ele queria voltar mas não tinha coragem pq eu sempre tentava passar q estava ótima, tinha emagrecido 6kg e etc. então ele achou q eu não queria mais um namorado rs Conversamos, eu deixei MTO claro q seria a ultima chance q ele teria cmg q eu não aguentaria outra dessas e, nisso estou decidida até hoje. No carnaval ele me levou pra viajar com uns amigos, fomos pro RJ, pra Trindade! Eu q detesto carnaval devo confessar q esse foi o melhor da minha vida :D Lá ele acabou fazendo algumas declarações (bebado hahaha) onde dizia q pensava q eu precisava aprender a ser mais independente (pq mta coisa eu dependia dele, confesso.) mas q no final quem era mais dependente de mim, era ele. Q esse tempo longe só o fez perceber o quanto quer ficar comigo e o quanto ele precisa de mim. Enfim.
Ele resolveu q queria ficar comigo sempre e me trazer pra mesma cidade q ele iria fazer a faculdade, então combinamos de nos inscrevermos no ProUNI pra PUCPR de Curitiba, q seria uma oportunidade PERFEITA pra ambos... Eu escolhi engenharia ambiental, q pra mim é um curso lindo e mto bem reconhecido, adoraria fazer... Não o prestei em faculdades públicas pq reconheço minha capacidade e sei q não passaria. E ai, oq aconteceu? Eu passei na UNESP! Em 13º lugar, passei lindamente em Biologia! Mas e ai??? Bom, sinceramente, eu prefiro engenharia ambiental, pq cá entre nós, biologia apesar de ser um curso lindo e perfeito, não tem reconhecimento e, infelizmente, eu não tenho vocação NENHUMA pra dar aula. Fiz a matrícula mas estava esperando o resultado da PUCPR. Ele passou na primeira chamada. Eu não. Meu curso tinha UMAA MISERA vaga e, adivinhem? Fiquei em segundo lugar :( Foi mto triste, não passar por muito dói mto menos doq não passar por UUUUUMA vaguinha! E nem pude entrar pra lista de espera, a PUCPR não a abriu...

Resumindo: Eu acabei vendo q foi  um erro absurdo ter prestado biologia, chorei horrores, me martirizei, me culpei, tive ódio de mim mesma, mas decidi q não dava pra fazer um curso assim só pq era em uma facul reconhecida. Eu já tinha desistido da UFSCar pra esperar a UNESP, pq não desistir pra esperar a PUCPR? Pois bem, foi oq fiz e, vim pra Curitiba hehehe Cá estou, morando no Sul do país, passando frio demaaaiss! Até suspeita de pneumonia eu já tive, fiquei mal demaisss, me entupiram de remédios e até rx tive q fazer pq a médica achava q era algo mais grave.

É, mas pq realmente voltei pro blog? Pelos mesmos motivos de sempre. Eu não me encaixo nessa sociedade. Simplesmente não me encaixo!!! Eu me sinto mal a tdo o momento, vendo as injustiças q existem pelo mundo à fora. Estou trabalhando numa farmácia, hoje fui ofendida por uma pessoa de terno e gravata pq não quis liberar medicamentos gratuitos pra ele pelo programa farmácia popular. Eu não liberei pq a receita dele não estava de acordo com a legislação, mas ele fez um escândalo, me ofendeu, bateu no vidro e foi embora. Ai eu pergunto: essa pessoa realmente precisa se beneficiar desse programa? Gente, é claro q não!!!! Fazer um escândalo pra não pagar R$ 9,60 num medicamento??? (Detalhe: Carregando uma sacola da O Boticário!)

Sabem, é isso q me irrita... O brasileiro reclama do governo à todo o instante, reclama da falta de justiça. Mas qdo é pro bem próprio, fodam-se as leis! Ai a gente precisa dar o famoso "jeitinho brasileiro" né? Como diz minha avó: -Pimenta nos olhos dos outros é refresco.
Onde vai parar esse mundo com TANTA GENTE EGOÍSTA? Gente q ve um bicho na rua e chuta? Gente q ensina o filho a judiar dos bichos? Gente q mata da própria espécie as vezes até por 5 reais? Parece clichê, mas eu realmente sofro com isso!
Sofro com as injustiças q passei durante minha vida, sofro pq tive lembranças reprimidas q vieram à tona e também lembranças distorcidas q agora, infelizmente, fazem sentido. Sofro por viver nesse mundo.
Sofro pq me olho no espelho e vejo um monstro. Sofro por não conseguir me aceitar e, sentir q o mundo me julga indiretamente por me achar fútil. Quando na verdade sou apenas diferente...

Tenho mto mais coisas para escrever, mas meu Deus, agora q percebi q virou uma bíblia! Talvez mais tarde. Beijos minhas lindas, espero q estejam todas bem :*





Cheirinho, Anna